Anúncio com Código

Para Ver Antes de Morrer: #174. Radiohead | Just

Para Ver Antes De Morrer | 05 dez 12 - por João Paulo Porto
demo-do-radiohead-vai-a-leilao

Esse talvez seja o videoclipe mais enigmático de todos os tempos. Um homem está deitado na calçada de uma rua, próxima a Liverpool Street Station, em Londres, enquanto pessoas estão consternadas com a situação. Todos querem saber por que ele está ali, jogado no chão como um indigente, mas ele não pode falar, deixando a multidão enfurecida. E para piorar a situação (para nós), quando ele finalmente revela o segredo, as legendas desaparecem e nos deixam apenas suposições. E isso é muito irritante!

122121300_640Na legenda, o homem fala: “Sim, eu vou te dizer, eu vou te dizer por que eu estou deitado aqui … mas Deus me perdoe … e que Deus nos ajude … porque você não sabe o que está pedindo.”. A câmera focaliza o tão esperado momento da resposta, mas as legendas de repente cessam, e nada é revelado ao espectador. Quando a câmera foca novamente na multidão, ele mostra o chão repleto de pessoas, todas deitadas assim como o homem. E nós, assim como os membros do Radiohead, ansiosos por uma resposta, ficamos com uma interrogação. Genial, simplesmente!

VEJA TAMBÉM: 0147. Radiohead | Karma Police

50069451“Just” é um single do elogiado The Bends, de 1995, o disco que contem a pérola pop “Fake Plastic Trees”. A canção possui um solo de guitarra, tocado por Jonny Greenwood, pesado e bastante intimista.

 O vídeo foi dirigido por Jamie Thraves, que foi escolhido a dedo pela banda depois que viram vários de seus curtas-metragens experimentais.  O clipe Intercala imagens do Radiohead tocando a música dentro de um apartamento com cenas do misterioso homem de meia idade deitado do lado de fora. O conceito visual notável do diretor nos permite uma saborosa visualização audiovisual de encher os olhos. Alem disso, Thom Yorke está irresistível com seu comportamento diante do microfone.  Um videoclipe inesquecível.’

Diretor: Jamie Thraves | Ano: 1995

João Paulo Porto
João Paulo Porto

Fundador do 1001 Videoclips e louco por The Smiths