Anúncio com Código

Grandes diretores de videoclips | Jonas Åkerlund

Diretores | 21 jun 13 - por João Paulo Porto
Jonas-Akerlund-Couch

O  sueco Jonas Åkerlund começou a carreira como diretor de videoclipes gravando para a sensação pop de 1987 Roxette e se estabilizou como um dos maiores e mais requisitados do gênero. Em 1997, ele dirigiu o clipe de “Smack My Bitch Up”, do aclamado The Prodigy, que causou polemica devido as cenas de consumo de drogas, nudez e violência. O clipe obteve repercussão mundial e alavancou a fama do grupo de música eletrônica para patamares que jamais sonhavam alcançar. Para o diretor, o vídeo abriu as portas para novos trabalhos com artistas importantes como Madonna e U2.

jonas akerlund filmando spot en Roma, 2010Porém, o auge do sucesso  aconteceu em 1998, quando dirigiu o fabuloso clipe de “Ray of Light”, da Madonna. O trabalho rendeu  o Grammy de melhor vídeo de música e melhor curta-metragem e recebeu 7 indicações no MTV Music Video Awards incluindo o melhor vídeo do ano. Desde então, Jonas se firmaria como um grande colaborador de Madonna de longa data, dirigindo os clipes de “Music”, “American Life” (que apareceu aqui no site) e “Jump”.

A partir daí Åkerlund, trabalhou com artistas variados como Smashing Punpkings (“Try Try Try”, este videoclipe rendeu um curta também dirigido pelo diretor, intitulado apenas “Try”), Metallica (“Whisley in the Jar”), Christina Aguilera (“Beautiful”), U2 (“Beautiful Day”), Blink-182 (“I Miss You”) entre outros. Nos anos 2000 ele voltaria a trabalhar com o Roxette em “I Wish” e “A Thing About You”. Em 2010, ele dirigiria o icônico clipe de “Paparazzi”, da estreitante Lady Gaga, que logo se tornaria um fenômeno de mídia.

Entre seus trabalhos mais recentes estão o controverso vídeo de “Pussy” do Ramnstein, o vídeo para a música “Telephone”, de Lady Gaga com Beyoncé (que obteve grande repercussão), Maroon 5 e Christina Aguilera em “Moves Like Jagger” e o single “Girl Panic!” do Duran Duran.

Com um trabalho de câmera ativo, edição habilidosa e a diversidade sonora eclética, Jonas Åkerlund se tornou um diretor completo e seguro que as vezes mostra desconfortáveis realidades.

Website oficial http://www.jonasakerlund.com

PLAYLIST: The Work of Director: Jonas Akerlund

Este slideshow necessita de JavaScript.

João Paulo Porto
João Paulo Porto

Fundador do 1001 Videoclips e louco por The Smiths