Anúncio com Código

Arquivo: Morrissey e o amor pelos animais no clipe de “Interesting Drug”

Arquivo | 02 set 16 - por João Paulo Porto
morrissey-sl122608

 Morrissey sempre assumiu uma postura vegetariana ao extremo e mais do que um ídolo, seu comprometimento com a luta pelos direitos dos animais o tornou um homem respeitado e digno de nota. “Interesting Drug” é uma canção de protesto e seu videoclipe toca na ferida como poucos, mas de uma forma bem humorada.

"Há muita gente má do lado certo" canta Morrissey em "Ontresting Drug"

“Há muita gente má do lado certo” canta Morrissey em “Interesting Drug”

O roteiro do vídeo tem início nas cinzentas ruas de Londres, intercaladas com cenas de Morrissey, Andy Rourke, Mike Joyce e Craig Gannon no Wolverhampton Concert em 1988 . Uma mulher (Diana Alton) protesta contra maus tratos de animais e é ridicularizada por um grupo de jovens universitários. A partir daí, ela toma uma posição diferente e convida os rapazes a segui – lá para protestarem juntos em frente a um outdoor com os dizeres: “É preciso até 40 animais irracionais para fazer um casaco de pele e apenas um para usá-lo”. De repente, aparece Moz com cartazes denunciando os maus tratos aos animais e distribuindo a todos. No clímax do clipe, a trupe invade um laboratório que usa coelhos para experimentos e os liberta; tornando o gesto um símbolo de protesto e rebeldia.

animation (8)

Motivado por uma conduta extremamente ativista, Morrissey despeja toda sua ira para as grandes indústrias que utilizam do sofrimento dos animais para lucrar. Sua ferrenha postura é uma constatação do quão importante é a capacidade de influencia midiática. A cena do filhote de foca sangrando após ter tido sua pele arrancada ainda vivo é um verdadeiro choque, mas ao mesmo tempo inspira as pessoas a conscientização.

 

Este cartaz contundente foi originalmente emitido pelo grupo de campanha ambiental Greenpeace, em 1984, em protesto contra o comércio de peles. Isso gerou muita controvérsia, apesar do sexismo presente nele.

Este cartaz contundente foi originalmente emitido pelo Greenpeace em 1984, em protesto contra o comércio de peles, gerando muita controvérsia.

E Morrissey como pessoa, como compositor de belíssimas canções ou como ser humano desalienado da realidade do mundo é um artista brilhante de atitudes verdadeiramente inspiradoras.

Diretor: Tim Broad | Ano: 1989

VEJA TAMBÉM: Fotos e review: Morrissey em Dublin

João Paulo Porto
João Paulo Porto

Fundador do 1001 Videoclips e louco por The Smiths